ateu, sai do armário, pelo amor de Deus

Richard Dawkins diante de ônibus com o banner da campanha "MUITO PROVAVELMENTE NÃO EXISTE UM DEUS, ENTÃO PARE DE SE PREOCUPAR E CURTA SUA VIDA", com o objetivo de tirar os ateus, tadinhos, de seus armários pusilânimes.

Por incrível que pareça, existe tal coisa como um “ateu de armário”. Eu tenho minhas dúvidas sobre a existência desta ave rara, e explicarei porque, muito brevemente, no final do texto. Eu sei também que não cabem aqui raivinhas e impaciências, mesmo porque parece que muita gente anda preocupada com concursos de popularidades e com o que os outros pensam dos outros, mas essa coisa de “ateu de armário” é uma coisa que me revolta, pois pensar que existe isso, Nossa Senhora, meu Pai do Céu, me sobe um sangue pelas ventas que eu nem sei o que me dá vontade de fazer, Deus que me livre.

Ok, humor negro pode, né?

É claro que a expressão “de armário” vem do fraseário gay e faz referência ao cara ou guria que são gays, mas escondem isso de quase todas, senão de todas, as pessoas que conhece m nas suas vidas enclausuradas. Pois bem, é quando fazemos a comparação entre ateus e gays que o sangue acaba me subindo à cabeça.

Meu Deus.

Quando você é um moleque delicadinho, com pais violentos e preconceituosos, família ignorante, sociedade idem, professores abusivos, amigos filhasdaputa, padres pedófilos, bichas recalcadas que só se assumem em banheiros públicos e velhos sodomitas que querem se esfregar em qualquer coisa movente, quando você é uma pessoa gay crescendo no meio dessa lama existencial e mesmo assim tem coragem de “sair so armário”, como dizem, e assumir sua homossexualidade para o mundo, apesar de tudo e de todos, isso sim é um ato de grandeza, merecedora do respeito de todas as pessoas desta vil sociedade. Um ateu de armário, contrariamente, é uma coisa que me revolta, se ele existe de verdade, pois isso, pra mim, é como estar na base da pirâmide social numa sociedade de macacos. O ateu de armário é o chimpanzé que nasceu com uma perna atrofiada e fica o tempo todo servindo de saco de pancada pro macho dominante. É o macho ômega. O ateu de armário é uma violação da fibra moral humana, porque é muito mais fácil você assumir o seu ateísmo do que um gay assumir sua homossexualidade para Deus (a piada tá cansando, eu sei) e o mundo nos dias de hoje. Então não tem porque existir uma coisa como o ateu de armário.

É preciso ser muito homem para ser gay no Brasil. E no mundo. É preciso ser muito frouxo para ser um ateu de armário no Brasil. E no mundo.

Então você, ateu de armário, tem medinho de sair do seu anonimato por causa das recentes pesquisas que apontam os ateus como a categoria mais odiada da humanidade? Não seja frouxo, se você tem qualquer dúvida sobre a existência de Deus ou deuses, você já é um ateu, então aprenda a viver com isso e venha para a luz!

Você não percebe que a gente está precisando de quórum?

Enfim, acho que escrevi tudo isso apenas para chegar à conclusão de que não deve, afinal de contas, existir uma coisa como o ateu de armário, simplesmente porque a iluminação ateísta é de uma força e convicção tão grandes, que não é possível que alguém, numa situação dessas, consiga manter-se no tal do armário.

Tá bom, vamos fazer de conta que não existe esse negócio de ateu de armário. Vamos combinar que o que existe de verdade são apenas alguns medrosos em dúvida que não têm coragem de assumir esta simples, mas poderosa, constatação lógica que é a noção de que não é possível existir tal aberração como um Deus abrâmico (ou qualquer outro) na frente dos outros porque teme represálias em bares e festinhas de condomínio.

Ninguém quer ser o satanista do prédio, né?

Se você é assim, fica no armário.

Mesmo que na realidade não exista armário nenhum.

O armário é sua mente. Se você coloca Deus em xeque, não tem porque não colocar o armário também.

Tá bom?

Então é isso. Coloca o armário em xeque. Ele não existe.

Assim como Deus.

Graças a Deus.

[CATO ALBERICO RIBEIRO]

Anúncios
Etiquetado , , , , , , , ,

3 pensamentos sobre “ateu, sai do armário, pelo amor de Deus

  1. Khaylla disse:

    Vá com a blusa do Palmeiras para o meio da torcida do Corinthians. Entre na frente de boa parte da população mundial e grite EU SOU ATÉIA/ATEU e boa sorte. Os gays sofrem com o mesmo problema dos ateus, somos todos rejeitados e considerados um erro. Me desculpe, mas ir contra o mundo e ter medo não faz de ninguém um frouxo. Eu entendi o seu ponto de vista, mas discordo dele. Estamos diante de algo grandioso, a religião entorpece as pessoas e as impedem de pensar. Se o Papa disser: mate todos os ateus, você realmente acha que eles não fariam isso? O Negócio é mais embaixo, infelizmente.

  2. Luísa do Amaral disse:

    Acreditando em Deus e cia ltda, eu deveria me sentir muito ~ofendida~ com esse texto, mas ainda bem que as coisas nem sempre são como deveriam ser. De qualquer forma, eu, como uma pessoa que abraça uma fé baseada em Cristo e rejeita religiões, denominaçoes, fundamentalismo, ritualismo e cia ltda, penso que ficar no “armário”, em qualquer coisa, seja ateísmo, opção sexual, opção de time de futebol ou doce favorito, é uma das piores coisas que existem.
    Simplesmente pelo fato que viver uma mentira, por opção própria, mesmo que seja fugindo de alguma dor, cria uma dor ainda maior.
    Creio que não seja só uma questão de coragem. A pessoa precisa de muita fé em si mesma, porque uma decisão ou outra geram consequências trágicas o suficiente para hesitação. E nem todos encontram essa força, já que, por muitas vezes, a própria repressão/contenção da realidade no interior do indivíduo minguam sua auto confiança.
    É um assunto complicado quando do ponto de vista de alguém que pode sofrer um pouco mais ao assumir quem, de fato, é.

  3. Anônimo disse:

    Vc disse, ” O armário é sua mente “, na verdade quem cria o armario são os cristãos hipocritas que obrigam os ateus ficarem presos. Quem tem medo são os cristãos em ousar não acreditar em Deus. Na verdade eles nem querem pensar sobre o assunto, a mente deles ja esta tão enraizada essa ideia que nem se dão a esse trabalho.
    Não acreditar em Deus é automaticamente o capeta…. eu dou risada de gente ignorante.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: