sócrates e o álcool amigo (partita #57 adagio)

Sócrates morreu. Isso todo mundo já sabe. A gente vê aquela lenga-lenga de sempre, familiares tristes, pessoas fazendo julgamentos post mortem do tipo, “ai , se ele não tivesse bebido tanto”, essas burrices de sempre; é mulher brigando com família, é povo fazendo homenagem, é famoso querendo pegar o vácuo da morte do ídolo pra ficar mais famoso, é nego querendo aparecer no twitter, pois o assunto está no topo da lista dos mais comentados (claro; eu não tenho twitter, mas o mundo tem, é quase como se eu tivesse também); é nego também fazendo piadinha sobre o assunto com pérolas do tipo, “ué, mas o filósofo não tinha morrido já?”, sempre algo para rir da própria ignorância.

Sócrates morreu.

Claro, todo mundo morre, gente.

Então acho que já deu de luto e vamos pro jogo do Corinthians, é isso?

É. Se o Corinthians ganha hoje, é porque Deus chamou o ex-jogador pra dar uma mãozinha lá do alto e, se perde, é porque provavelmente ele ainda não chegou lá em cima e deve estar preso em algum tipo baldeação cósmica. Então tá todo mundo triste mesmo, pelo menos até o apito inicial do juiz.

É um encontro de gregos: Sócrates, que tem seu nome inspirado, claro, no filósofo questionador, e o Corinthians, que tem seu nome inspirado numa cidade grega (ah, não sabia?).

Eu tenho uma semelhança com o finado Sócrates (o futebolista, já que ambos já passaram dessa pra melhor, não é mesmo?): meu nome também foi inspirado numa figura morta que viveu há muitos anos e, como essa figura morta (Cato, o velho), eu também olho com desconfiança tudo que vem da Grécia. Está aí a crise que não me deixa estar enganado.

Pois bem. Gregos à parte, vai em paz, Sócrates. Viveu como viveu, pois não havia muito mais o que se fazer além de encher a cara diante da destruição da humanidade que se mostrava cada vez mais e mais evidente. Nas palavras do próprio, pois: “ele (o álcool) é como um companheiro para viver essa loucura que é essa sociedade hoje”.

Álcool amigo.

Anúncios
Etiquetado , , , ,

Um pensamento sobre “sócrates e o álcool amigo (partita #57 adagio)

  1. Bruno disse:

    Demais … Vou compartilhar.

    Abs e saudações corinthianas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: